Poesia

Beijo

sábado, setembro 24, 2011Teresa Varela

Um Lugar ao Sol


Encontrei o teu olhar,
Num sorriso, teu rosto se abriu.
Senti meu coração saltar
E minha pose ruiu.







Dos teus lábios gostosos,
Lindos, em tons de rosa,
Gulosos ficaram meus.

Senti que flutuava.
Por ti, toda eu, suspirava
Mas teu olhar me ignorava.
E meu coração doeu.


Fiquei sonhando acordada,
Suavemente,
Senti teus lábios nos meus.

O tempo parou no momento.
Resvalei no encantamento,
Da tua boca doce e quente.
E tudo o Vento Levou

Então, tornou-se exigente
E, sofregamente,
A minha ela explorava.

O beijo,
Agora ardente,
A realidade desfocava.


Eu e Tu num calor quente,
Vibrávamos ferozmente.
Tu e Eu eramos um só,
Naquele ardor envolvente.

Tuas mãos em mim
Num frenesim
Meu corpo em ti
Com paixão.

Casablanca
Louca e delirante sensação.
Bom e languido cansaço.
Descanso no teu abraço.
Dormes no meu regaço.
  






Um beijo.
Uma poção.
Milagre de sedução.
Cadências de uma paixão.
Explodindo num vulcão,
De corpos em erupção.
Inflamando a combustão.
Interlúdio

 
E não saciado o desejo,
Ondas de amor,
Num beijo,
Inundaram-me o coração.







Um beijo regado a mel
Lento, doce e suave
Ou
Forte, ávido e abrasador.
É vida, é força, é esplendor.
Titanic





E há coisa mais boa, que aquele beijo gostoso e quente?





Abreijos,

Também poderá gostar de ver

0 comentários

Vou adorar ler os seus comentários....
Concorde, discorde, dê a sua opinião...
Volte sempre.
Bem-haja pela sua visita

Popular Posts

PUBLICAÇÃO EM DESTAQUE

PRÉMIOS DE FOTOGRAFIA - ANIMAIS SELVAGENS HILARIANTES - II

PARTE 2 DE 8 Não resisto a partilhar estas imagens fantásticas e divertidas do   "HILARIOUS WINNERS OF THE FIRST ANNUAL ‘COMEDY WI...

recent posts

MY GOOGLE+