Ousei, ousei Amar-te


Ousei,
Ousei Amar-te,
Contra todas as convenções,
Opiniões e convicções.

Ousei,
Ousei Amar-te
Para além dos preconceitos,
Crenças ou direitos.

Ousei,
Ousei Amar-te
Apesar de todos os medos,
Vozes e representações.

E, Amei-te apaixonadamente,
Convicta e desbragadamente.
Fui leviana?
Não sei.

Envolta num turbilhão,
Procurei-te na multidão,
Esperei-te com exaltação.
Recordei-te na solidão.

Por ti enfrentei o mundo,
Os homens e o próprio Deus.
Abri o coração, sem reservas,
Falsos pudores ou temores.

Lutei por ti com denodo.
Ergui-me contra o mundo todo.
Por ti esperei sem censura.
E Amei-te com loucura.

Ousei,
Ousei Amar-te,
Eu toda.
Sem acusações, perguntas,
Prisões ou reprovações.

Ousei,
Ousei Amar-te,
Eu louca.
Sem promessas,
nem amarras.

Ousei,
Ousei Amar-te
À noite, de dia
E a toda a hora.

Amei-te nas tardes de sol,
Nas noites de chuva
Nos dias de vento.

Amei-te nos bosques,
Nas praias, em casa e no trabalho
E em locais mais prosaicos,
De duvidosa elegância.

Ousei,
Ousei Amar-te
Absoluta e integralmente.
E não me preocupei
Em saber o final.

Ousei,
Ousei Amar-te
E esse amor fez de mim
Uma pessoa excepcional.


Dedicado a todos os que são capazes de Amar de uma forma Absoluta e Total.

 Abreijos








Comentários

  1. Muito lindo!
    Acho que é dedicado a mim. LOL
    Sandra

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Vou adorar ler os seus comentários....
Concorde, discorde, dê a sua opinião...
Volte sempre.
Bem-haja pela sua visita