Poesia- Divagações

QUIS SER.....E SOU MULHER

sábado, fevereiro 25, 2012Teresa Varela

Quis ser mar,
Chuva 
E vento.

Quis ser sol,
Lua
E firmamento.

Quis ser fonte,
Seiva
E vida.

Quis ser árvore,
Arbusto 
E flor.

Quis ser águia, cruzando os céus.
Quis ser leão, rugindo na selva.
Quis ser cavalo, galopando nos campos.
Quis ser golfinho, brincando nos oceanos.

Quis ser tudo.
Olhei para mim
E era mulher

Agarrei no meu coração,
Que gemia num lamento,
Olhei-o de frente 
E perguntei-lhe 
"És infeliz?"
Incrédulo,
Sem saber que responder,
Fitou-me pasmado.

Na minha boca rasgou-se um sorriso.
Meus olhos brilharam enormemente.
Meu coração acelerou, desenfreado.
E nasceu dentro mim aquele único,
Maravilhoso e único sentimento.
Tenho orgulho de mim.
Sou mulher.

Só sei amar, eu, toda inteira.
Só sei viver apaixonada e intensamente.
Só sei dar, sem regatear, sem pedinchar.
Defendo meus valores sem hesitar.
Luto pelo que acredito, sem me acobardar.
Aos medos? Enfrento-os.

Não desisto facilmente.
Não desisto sem entender.
Mas se concluir
Que não vale esforço,
Que não vale a pena,
Afasto-me, sem dor, sem pena,
Sem rancor e sem memória.

No dia em que partir
Sei que direi: Vivi
No dia do Juízo Final
Responderei: Amei.

Também poderá gostar de ver

0 comentários

Vou adorar ler os seus comentários....
Concorde, discorde, dê a sua opinião...
Volte sempre.
Bem-haja pela sua visita

Popular Posts

PUBLICAÇÃO EM DESTAQUE

PRÉMIOS DE FOTOGRAFIA - ANIMAIS SELVAGENS HILARIANTES - II

PARTE 2 DE 8 Não resisto a partilhar estas imagens fantásticas e divertidas do   "HILARIOUS WINNERS OF THE FIRST ANNUAL ‘COMEDY WI...

recent posts

MY GOOGLE+