Outono; Tristeza; Envelhecer

Cores de Outono

quinta-feira, outubro 20, 2016Teresa Varela

Dourados e Amarelos
Tons secos de Verde e Vermelho
Variações em Castanho
Assim é o Outono
Das folhas que rodopiam ao sabor do vento.
Das chuvadas fortes,
Dos dias que encolhem sem parar.
Das nuances de luz e sombra.

Outono de afetos serenos,
De aconchego, de silêncios que entendem e falam,
De nostalgia dos momentos que perduram no tempo.
Sábio, como os homens maduros,
Prepara os rigores do Inverno,
Tal como aqueles acautelam a velhice.

Recordações desprendem-se, como folhas moribundas,
Escapando-se por entre os dedos da memória,
Esvoaçando entontecidas, levadas pelo vento
Que sopra agreste e frio.

Desencanto, desalento,
Tristeza, saudade e nostalgia,
Misturam-se, qual manta de retalhos,
Num estranho encantamento,
De rara magia.

Jaz morta a folha que ontem me deu vida.
Nas malhas do tempo,
Dela só resta a memória.
Também esta perecerá, um dia,
Perdendo as cores outonais
Que lhe emprestam magia,
No desolado Inverno,
Frio, sem cor, nem compaixão,
Que se avizinha.

Também poderá gostar de ver

0 comentários

Vou adorar ler os seus comentários....
Concorde, discorde, dê a sua opinião...
Volte sempre.
Bem-haja pela sua visita

Popular Posts

PUBLICAÇÃO EM DESTAQUE

PRÉMIOS DE FOTOGRAFIA - ANIMAIS SELVAGENS HILARIANTES - II

PARTE 2 DE 8 Não resisto a partilhar estas imagens fantásticas e divertidas do   "HILARIOUS WINNERS OF THE FIRST ANNUAL ‘COMEDY WI...

recent posts

MY GOOGLE+